15 de agosto de 2007

Image Hosted by ImageShack.us


Então ela foi embora...
Não deu tempo de me despedir, mas ela sabia o quanto eu a amava.
Seu cabelinho branco, fininho, seu olhar tranquilo e sua voz baixa.
Tinha cheirinho de flor.
Sempre fazia nescau batido no liquidificador e dizia
-Menininha, tá prontinho!
A menininha virou mulher, mas o nescau continuou prontinho... e da menininha,
como fui chamada até suas últmas poucas palavras.
Não senti a tristeza que imaginei um dia.
Sei que ela foi embora feliz. Vai sentir saudade de nós que ficamos, assim como sentiremos dela.
Mas as boas lembranças são tão boas que não deixam apertar o coração.

[Não sei bem como dizer isso, mas quero pedir a cada um que ler esse post, que nunca adie uma alegria.
Um abraço, um beijo, uma visita ou até mesmo uma xícara de nescau]

Eu vou mas eu volto.

Nenhum comentário: