23 de janeiro de 2007

Image Hosted by ImageShack.us


"Jamais os moralistas conseguirão fazer compreender toda a influência que os sentimentos exercem sobre os interesses.
Essa influência é tão poderosa como a dos interesses sobre os sentimentos.
Todas as leis da natureza têm um duplo efeito, em sentido inverso um do outro."

- Honoré de Balzac, in 'Ilusões Perdidas

Fodão esse cara, hein?

Todo sentimento é interesseiro.
Da forma mais sublime à forma mais cruel da palavra.
Interesse pelo sentimento do outro ou interesse pelo próprio sentimento?
Será que sr Freud explica?
Acho que no caso das minhas idéias nem o padre Quevedo, rs.

Interesse sentimetal
Interesse não é problema, problema é quando deixa de ser.
Juras desfeitas, palavras desditas.
Quando acaba o tesão, ou onde deixa de existir liberdade.
Quando os olhos não brilham, ou o coração não dispara.
Quando as palavras não incentivam ou a amizade não constrói.

Somos todos interesseiros, temos sempre os interessados.

Um dia eu já vi isso com maus olhos... ingenuidade.
Santa ingenuidade...
Hoje, o que eu mais quero, é que interressem-se por mim!

Eu vou mas eu volto.

Nenhum comentário: