6 de agosto de 2006

Image Hosted by ImageShack.us


O que é uma semana sem computador pra quem o tem todos os dias, todas as horas...
Nessa hora que a ficha cai, que a gente percebe como é dependente.
Enfim, a vida virtual me faz falta, reconheço.
Isso dá margem pra pensar em todas as outras coisas que só sentimos falta quando perdemos.
Talvez não perder no total sentido da palavra, mas deixar de ter por alguns dias.

Essa semana pra mim, foi reflexiva.

Dia desses, voltando do trabalho, olhei pro céu e vi uma tarde como não via há muito tempo.
Fiquei ali, andando e olhando... mas logo abaixo daquele céu lindo, tava a entrada da favela, que até então eu não havia prestado atenção.
E quanto mais perto eu chegava, maior ficava a favela e menor a visão da tarde...
Quando já estava bem perto eu apenas podia enxergar a favela com todos seus problemas e o céu escondido atrás dela.

Me deu um estalo, aquela era a metáfora que explicava uma boa forma de enxergar o mundo, de olhar para meus próprios problemas...

- Se eu olhar para meus problemas de perto demais, se focar somente neles, vou ter a impressão que o problema é tudo o que existe no mundo, não vou ver o lado bom, e vou acabar achando que ele é grande demais pra ser resolvido.

- Mas se eu me afastar um pouco, eu percebo que aquele céu também faz parte da cena,que as coisas não são tão ruins assim, que nada é tão grande quando olhamos no angulo certo.E isso dá ânimo pra seguir em frente!

Pode parecer bobagem, coisa fácil de se perceber,mas sempre tem aquele dia que a gente 'cai na real' e até as bobagens fazem uma diferença enorme na vida.

Tô de volta, computador formatado, e cheia de histórias pra contar.

Eu vou mas eu volto

Nenhum comentário: