17 de maio de 2006

Image Hosted by ImageShack.us


Relações delicadas...
Um dia aquela amiga que sempre foi presente em todos os momentos importantes,
que sempre esteve ao lado e sempre segurou na sua mão, além de segurar sua mão, olha em seus olhos...
Nesse dia, você percebe que a amizade é muito mais que amizade, e ficam os parênteses entre vocês.
Qualquer carinho, por mais que seja esperado e desejado, soa de forma estranha.
Mas ao mesmo tempo os olhos se procuram e as mãos se encontram.
Cumplicidade, amizade, carinho, apoio, bem querer, preconceito...
Eu tenho preconceito sim, mas não preconceito em relação ao amor.
Amor a gente não escolhe, apenas ama, cada um com seu motivo pra isso.
Essas relações delicadas costumam ser descomplicadas pra quem vive.
Não sei se existe amor sem cobrança, sem preocupação, sem interesse, mas eu queria um amor desses pra mim. Descomplicado.

ps¹ Não sou homossexual e não tenho preconceito contra eles.
Admiro os verdadeiros e repudio os que fazem tipo.
Quem é, não precisa mostrar, apenas é... livre, verdadeiro e sem máscaras.

ps² Legal a iniciativa da malhação, por abordar o tema de uma forma não tão real, mas bem próxima do cotidiano.

Eu vou mas eu volto.

Nenhum comentário: