21 de fevereiro de 2006

Aprendendo com a vida...

Image Hosted by ImageShack.us

"Depois de um tempo, você aprende a sutil diferença
entre dar a mão e acorrentar a alma.
E você aprende que amar não significa apoiar-se,
que companhia nem sempre significa segurança.
E começa a aprender que beijos não são contratos,
e que presentes não são promessas..."


Ah, Willian Shakespeare, até que vc era inteligente...
Só esqueceu de dizer que a gente aprende a se fuder também!

Depois de um tempo, você aprende a sutil diferença
entre compreender e querer agradar.
E você aprende que falar a verdade não é importante para
todas as pessoas assim como é pra você...
Com o tempo você percebe que certas mudanças são inevitáveis, e que aquilo que as pessos dizem mais gostar em você, é o que acaba mudando.
Com o tempo você passa a ter dúvidas se é realmente aquilo que dizem...

De falsas verdades eu fiz amigos que poderiam ser muito mais amigos se fossem verdadeiros.
A escolha é simples:
Tenha por completo ou se contente com o mais ou menos.
As falsas verdades.
Ou as meia verdades.
Não as minhas.

Tudo confuso nesse lugar que só chove.

Eu vou mas eu volto.

Nenhum comentário: